São João do Piauí
SOBRE O AUTOR

Blog do município de São João do Piauí / Contato: 86 9801-2069 / E-mail: redacao@portalr10.com

 

Professores fazem protesto contra Gil Carlos em São João do Piauí

8 de Agosto de 2017 às 18:03
Professores de São João do Piauí pedem pagamento de precatórios Professores de São João do Piauí pedem pagamento de precatóriosFoto: Reprodução

Os professores efetivos do município de São João do Piauí estão em uma batalha contra o prefeito, Gil Carlos (PT).  Eles acusam o gestor de não cumprir os requisitos necessários para o desbloqueio de conta bancária do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (FUNDEF).

De acordo com o presidente do Sindicato dos Professores da cidade, Alexandre do Nascimento, Gil Carlos não quer cumprir lei federal que determina que 60% dos recursos sejam empregados no pagamento de pessoal e 40% na estrutura da educação. Ele afirma que o prefeito, que é o presidente da Associação Piauiense dos Prefeitos Municipais Centro em Teresina (APPM), tem buscado um acordo com o Tribunal de Contas do Estado (TCE) para não cumprir a lei.

Faixas espalhadas pela cidade pedem o pagamento dos precatóriosFaixas espalhadas pela cidade pedem o pagamento dos precatóriosFoto: Reprodução

“O prefeito quer do TCE-PI a garantia para usar o dinheiro sem correr risco. Ele não quer pagar os precatórios dos professores. O dinheiro encontra-se na conta e está bloqueado. São quase R$ 13 milhões. Esse dinheiro é referente ao período de 2002 a 2006 que não foi repassado pela Governo Federal. Temos direito a esse dinheiro, mas o prefeito não quer repassar à categoria”, declarou.

O semestre letivo teve início nesta segunda-feira (07) e os professores vestiram preto como forma de protestar contra o prefeito. A categoria colocou faixas na cidade cobrando de Gil Carlos o pagamento dos precatórios.

A reportagem tentou entrar em contato com o prefeito Gil Carlos, mas não obteve retorno.

(Com informações ClubSat / Equipe R10 municípios)

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do R10.

Veja também