Colônia do Gurguéia-PI
SOBRE O AUTOR

Geney Ribeiro é correspondente do Município de Colônia do Gurguéia-PI . Contato: (89) 99403-9445

 

Dom Marcos Tavoni falou sobre a reunião da BR 135: “Que não seja apenas um ato político a mais”,

12 de Agosto de 2017 às 23:01
Dom Marcos Tavoni Dom Marcos TavoniFoto: Natanniela Gonçalves

Com o discurso mais contundente da reunião, Dom Marcos Tavoni disse:

“O ato político é importante, mas desde que ele venha acompanhado dessa boa intencionalidade”

O Bispo da Diocese de Bom Jesus-PI, Dom Marcos Tavoni esteve presente na reunião que aconteceu em Bom Jesus nessa sexta-feira (11/08), com o governador Wellington Dias, o Diretor do Denit e a bancada piauiense no Congresso Nacional para tratar do melhoramento da BR 135. O Bispo falou da importância da reunião e pediu que não fosse apenas mais um ato politico a mais. Tavoni criticou a vinda da comitiva de avião: “Eu fiquei espantado junto com a comunidade quando soubemos que vocês chegaram de avião e desceram aqui em Bom Jesus, por que eu esperava que vocês descessem em Barreiras, como nós mortais aqui fazemos”.  O bispo falou no sentido dos políticos conhecerem o drama de se dirigir na BR, como ele mesmo disse: “Eu e mais aqueles que fazem o mesmo percurso corremos risco de vida, o tempo todo nós corremos risco de vida quando pegamos essa rodovia”. Tavoni criticou o descaso para com o sul do Piauí e disse “O sul do Piauí também é Piauí”. Sobre a transparência dos recursos, o bispo falou: “eu queria que o senhor no dissesse: os recursos vem daqui, vai ser gerenciado aqui e a transparência poderá ser acompanhada também aqui, para que nós possamos nos tornar os grandes fiscalizadores desses recursos e do seu emprego”. Tavoni disse ainda que não precisa fazer nenhuma estatística para saber que a classe politica está desacreditada, mas “eu quero dar credito a classe politica do meu Piauí”, disse o bispo.

Dom Marcos TavoniDom Marcos TavoniFoto: Natanniela Gonçalves

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do R10.